Páginas

31 maio 2011

Guarda Ambiental recebe três embarcações para atuar nas represas

ão paulo No último domingo, pela 6ª vez, a população paulistana pôde demonstrar sua preocupação com a Represa Guarapiranga e com os mais de quatro milhões de pessoas beneficiadas diretamente pelas águas deste manancial. O evento, organizado pela Rede de Olho nos Mananciais, foi uma iniciativa de organizações da sociedade civil, com o apoio do poder público, para mobilizar e sensibilizar a população sobre a importância da preservação da água e da proteção ao meio ambiente. - A Guarda Civil Metropolitana participou por meio da exposição de viaturas e de uma tenda com materiais explicativos sobre o trabalho da guarda na região. Durante a cerimônia, o secretário municipal de Segurança Urbana e coordenador da Operação Defesa das águas, Edsom Ortega, plantou duas cerejeiras no local, como símbolo da renovação da consciência e responsabilidade ambiental.

Em seguida, três embarcações foram entregues à corporação para serem utilizadas nas Represas Guarapiranga, Billings e Várzea do Tietê, com o objetivo de aumentar a fiscalização de perímetros ambientais de difícil acesso, além de impedir invasões, bem como proteger a fauna e da flora, último resquício de Mata Atlântica existente em São Paulo. As embarcações foram adquiridas pela Secretaria Municipal de Segurança Urbana (SMSU), com um investimento de R$ 61 mil.

A cerimônia de entrega foi assistida pela população, que participou do abraço, e por autoridades públicas, como o secretário do Verde e Meio Ambiente, Eduardo Jorge, o vereador Gilberto Natalini, presidente da Comissão de Meio Ambiente da Câmara Municipal de São Paulo, e o subprefeito de Capela do Socorro, Valdir Ferreira.

Criada em 2007, a Guarda Ambiental conta hoje com efetivo de 540 homens que atuam como agentes fiscalizadores da Operação. Atualmente, tem 61 viaturas e 17 motos, barcos e voos de helicóptero semanais, numa parceria com fiscais da Secretaria do Verde, da Defesa Civil e de subprefeituras.



Extraído de: http://www.dci.com.br/Guarda-Ambiental-recebe-tres-embarcacoes-para-atuar-nas-represas-8-375594.html

9º Torneio de Tiro e 5º Encontro de Guardas Municipais e Amigos


ASSOCIAÇÃO DOS GUARDAS MUNICIPAIS DE CURITIBA
GESTÃO 2009/2012 - LAZER E SOCIAL        AGMUC


CARACTERÍSTICA

EVENTO.......................................................XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

DATA............................................................................16/07/2011 - SÁBADO

HORÁRIO......................................................................08:00 HS AS 15:00 HS

LOCAL..........................................................................(CURITIBA) A DEFENIR

Nº DE PARTICIPANTES....................................... 105 atiradores (35 EQUIPES)

OBJETIVO
O objetivo do encontro, além da confraternização, é o de promover através da AGMUC, a interação entre os Guardas Municipais e Amigos, através do tiro esportivo, os quais de uma forma ou de outra, fazem uso de armas tanto para o esporte como para o trabalho, a fim de melhorar sua postura, habilidade e precisão no uso da arma.

REGULAMENTO

1. REGRAS DE SEGURANÇA COM ARMAS DE FOGO
1.1)      Considere que as armas estão sempre carregadas;
1.2)      Direcione o cano da arma para uma direção segura;
1.3)      Verifique se a arma está aberta e descarregada;
1.4)      Somente coloque o dedo no gatilho se for necessário realizar um disparo;
1.5)      Só aponte a arma para algo que queira acertar (caso haja efetiva necessidade);
1.6)      Sempre tenha certeza de que o alvo e a área que o circunda estão seguros, ou seja, que não há ninguém em áreas de possível impacto do projétil;
1.7)      Ao receber ou repassar uma arma, mantenha a mesma aberta, descarregada, com o cano direcionado para uma direção segura e o dedo fora do gatilho;
1.8)      Mantenha armas e munições longe de pessoas inexperientes, principalmente quando você não estiver acompanhando;
1.9)      Remédios, álcool e drogas não se misturam com armas de fogo, isto é mais perigoso do que um piromaníaco com um fósforo em um posto de gasolina;
1.10)    Use somente munição de boa qualidade;
1.11)    Leia e siga as instruções dos fabricantes de armas;
1.12)   Todos no estande de tiro devem utilizar óculos de proteção e protetor de ouvidos;
1.13)   Proibido manejar qualquer arma de fogo fora da área de segurança demarcada;
1.14)   Proibida a participação de menores de 18 anos;
1.15)   Lembre-se, segurança deve se tornar hábito.

ARMAS: REVÓLVER CALIBRE .38 SPL (miras abertas – sem lunetas, miras óticas ou semelhantes): 12 munições – cano do revólver com no máximo 06 (seis) polegadas (152.4 mm).

               PISTOLA CALIBRE 380(miras abertas – sem lunetas, miras óticas ou semelhantes): 12 munições .

               CARABINA CALIBRE .38 SPL miras abertas – sem lunetas, miras óticas ou semelhantes): 06 munições

Caso o atirador não possua arma própria, serão fornecidas armas pela AGMUC. Poderão ser utilizadas armas particulares, desde que atendam às exigências do regulamento.
Todos os atiradores deverão descarregar suas armas (antes do início do evento) na ÀREA DE SEGURANÇA.

Os profissionais que estiverem em turno de serviço deverão se apresentar ao Diretor de Prova, a fim de informá-lo da situação.

Obs: O uso e o porte das armas particulares ficarão na responsabilidade do proprietário, conforme as leis federais, estaduais e municipais.


3.  MUNIÇÃO: Fornecidas pela AGMUC.



4. ALVOS: Em papel (tipo IPSC).

5. DISTÂNCIAS: 10 (dez) metros para revólver e pistola, 40 (quarenta) metros para carabina.

6. POSIÇÕES DE TIRO: Em pé  

7. PISTAS: 03 (três) cronometradas.

8. CATEGORIAS: Guardas Municipais e Amigos.

10. PONTUAÇÃO: Conforme áreas (pontuadas) atingidas, somando-se os pontos.

11. PONTUAÇÃO FINAL E DESEMPATE: Será a soma dos pontos obtidos nas três pistas (revolver; pistola e carabina) sendo vencedora a equipe (soma dos pontos dos três integrantes) que obtiver mais pontos. Em caso de empate, será vencedora a equipe que obtiver o maior número de alfas (centro do alvo).
Obs: O alvo será em papel (tipo IPSC).

12. EQUIPAMENTOS OBRIGATÓRIOS:

a)    Óculos de proteção;
b)   Protetor de ouvidos;
c)    Jet-Loaders (recarregadores rápidos)
d)   Coldre;
e)    Cinto ou cinturão;

13. DISPUTA: EQUIPE COM TRÊS COMPONENTES

a)    Linha de tiro, com no mínimo seis equipes.

b)   Pista com revólver - com a arma descarregada sobre a bancada, braços soltos ao longo do corpo e equipado com os equipamentos obrigatórios, após a autorização do juiz de tiro para municiar e carregar, o atirador deverá coldrear a arma e aguardar o sinal sonoro que marca o inicio do tempo. Serão autorizadas somente 12 munições, sendo 06 (seis) munições acondicionadas em 01 (um jet-loader), mais 06 (seis) munições sobre a bancada.
Ao ouvir o sinal sonoro para início da série, o atirador deverá efetuar 12 (doze) disparos (posição livre);

c)     Pista com pistola - com a arma descarregada sobre a bancada, braços soltos ao longo do corpo e equipado com os equipamentos obrigatórios, após a autorização do juiz de tiro para municiar e carregar, o atirador deverá coldrear a arma e aguardar o sinal sonoro que marca o inicio do tempo. Serão autorizadas somente 12 munições, sendo 06 (seis) munições acondicionadas em  cada um de dois carregadores sobre a bancada.
d)   Pista com carabina - com a arma descarregada sobre a bancada, braços soltos ao longo do corpo e equipado com os equipamentos obrigatórios, após a autorização do juiz de tiro o atirador deverá municiar e carregar a arma com 06(seis)munições, serão autorizadas somente 06 munições sobre a bancada,  Ao ouvir o sinal sonoro para início da série, o atirador deverá efetuar 06(seis) disparos (posição livre);

e)      O tempo para a realização de todas as pistas será de no máximo de 02(dois) minutos


f)     O atirador só poderá executar qualquer movimento após o comando do Juiz de Linha de Tiro.

g)    Durante a realização de cada série, os demais atiradores deverão aguardar na área de segurança em silêncio, respeitando os atiradores que estiverem nas pistas de tiro.

h)   DURANTE O TORNEIO, AS ARMAS “DEVERÃO PERMANECER DESCARREGADAS”;

i)     O atirador somente poderá carregar A SUA ARMA, para realização das séries após o comando do juiz de tiro que estiver ao seu lado.

j)     Ao término da série, o atirador deverá baixar a arma, com o dedo fora do gatilho e o cano para direção segura, aguardar o comando do juiz para descarregar, mostrar a arma descarregada e colocá-la sobre a bancada.

k)   A não observação de qualquer dos itens acima relacionados acarretarão em penalidades.

14. PENALIDADES:

a)    Disparo antes do sinal sonoro de inicio da série, 01 (uma) penalidade por disparo;

b)   Disparo após o término da série, 01 (uma) penalidade por disparo;

c)    A inobservância de qualquer regra de segurança, 01 (uma) penalidade por regra quebrada;

d)   Valor da penalidade: 02 (dois) pontos.

e)    Em caso de atitudes incoerentes ou desrespeitosas (brincadeiras) que venham a oferecer risco a qualquer um dos envolvidos com o torneio, o(s) infrator (es) estará (ão) automaticamente desclassificado(s), não cabendo recurso e convidado a retirar-se do local do evento, sem o ressarcimento dos valores pagos.

f)     Em caso de problemas com o armamento, após avaliação dos juízes, caso seja confirmada a falha mecânica, o atirador reiniciará a série.

g)    Em caso de falhas de munições, o atirador efetuará os disparos faltantes após o termino da série, conforme determinações dos juízes. Munição particular não será permitida a substituição.

h)   Qualquer outra alteração que vier a gerar dúvidas será avaliada pelos juízes e coordenadores.

15. DESCLASSIFICAÇÃO: Será desclassificado o atirador que atentar contra as normas de segurança no uso de arma de fogo e/ou descumpra o regulamento.


16. PREMIAÇÃO: TROFÉUS E MEDALHAS – 1ª à 5ª Equipe colocada.
                                                                        Sendo também premiado o atirador que obtiver a melhor pontuação na soma das três armas.

17. CERTIFICADOS: Serão fornecidos pela AGMUC a todos os participantes envolvidos com o Torneio.

18. INSCRIÇÕES: R$ 50,00 (individual)
Inscrições com numero limitado de 105 atiradores (35 EQUIPES),   
Fone: 9629-0655  GM RODRIGO



29. DISPOSIÇÕES GERAIS:

a)      Todos os participantes deverão ter conhecimento e respeito às regras do torneio e as normas do Estande.

b)      O Diretor da Prova poderá a qualquer momento examinar o equipamento do atirador e impugnar os resultados caso o julgue em desacordo com as normas estabelecidas.

c)       Os casos omissos serão resolvidos pelo Diretor da Prova e Juizes de Linha de Tiro.

d)      É terminantemente proibido o manuseio de armas fora da ÁREA DE SEGURANÇA do estande de tiro.

e)       Não será permitido o uso de bebida alcoólica neste evento.

f)        As crianças deverão estar obrigatoriamente acompanhadas dos pais ou responsáveis, afastados e na área de segurança.

Atenciosamente,


José Eduardo Recco
Presidente AGMUC


FÓRUM NORDESTE DE SEGURANÇA PÚBLICA MUNICIPAL


 Circuito: JUAZEIRO(BA) e PETROLINA(PE)
Dias:16 e 17 de Junho de 2011
PROGRAMAÇÃO OFICIAL

Objetivos:
• Discutir os instrumentos de mobilização da comunidade para a sua segurança;
• Esclarecer a sociedade civil como surgiram e do que vem a ser Guarda Municipal;
• Difundir entre os organismos representativos da sociedade os principais conceitos que norteiam a eficácia dos serviços de uma Guarda Municipal e sua relação com o aparelho policial em vigor apresentando alternativas para Policiamento Comunitário;
• Discutir suas formas de atuação e as vantagens da municipalidade em criá-las;
• Apresentar soluções para evolução de suas atividades e harmonia nas relações com as demais instituições de segurança pública através de projetos de lei e medidas governamentais;
• Levantar as alternativas de planejamento e execução da segurança municipal.
Realização: Prefeitura Municipal de Juazeiro(BA)e Prefeitura Municipal de Petrolina(PE) e Guardas Municipais de Juazeiro e Petrolina
Promoção e Organização: Instituto IPECS de Segurança Municipal
Parceria Institucional: União Nacional dos Guardas Civis Municipais (UNGCM)
Apoio: Câmara Municipal de Petrolina e Câmara Municipal de Juazeiro
PROGRAMAÇÃO GERAL:
*Dias 16 de Junho de 2011 – Quinta (16) - Local: Câmara Municipal de Petrolina – PE
8h00 - Curso IPECS/ CESDH Destinados a Gestores da Área de Segurança Municipal
Curso 1. Gestão Estratégica e do Conhecimento Aplicado às Agências Municipais de Segurança Pública
Curso 2. Valorização Profissional, Qualidade e Regulamentação para o Atendimento das Demandas Públicas de Segurança
Conteúdos: Alinhamento Estratégico, Gestão de Carreira e Cadeia de Comando na Estrutura das GCM´s; A Gestão do Conhecimento e o Novo Perfil dos Profissionais de Segurança Pública; Recrutamento e Seleção (limites impostos pela legislação nos concursos públicos e de acesso); Cultura da Qualidade e a Valorização dos Recursos Humanos nas Agencias de Segurança; Marco Regulatório – Novas Referências no Atendimento as Demandas do Município
PROFESSORES CONVIDADOS:
Dr. Prof. João Alexandre dos Santos (Diretor do Centro de Estudos em Segurança e Dir. Humanos CESDH),
Dr. Osmar Ventris (Secretario Geral do Instituto IPECS de Segurança Municipal)
Cursos IPECS/ ABRAPAM Destinados a Operadores da Área de Segurança Pública Municipal
14h00 - Curso 2: Defesa Pessoal Urbana em Contra Terrorismo
Conteúdos: Táticas de gerenciamento de ameaças de Facas; Contra emboscadas; Agentes de segurança Reféns; Imobilizações de risco; Defesas de facas; Desarmes de Armas curtas.
Professores Convidados:
Carlos Gomes (Diretor da ABRAPAM Treinamentos Urbanos Avançados)
Dia 17 de Junho de 2011– Sexta Feira
Local: Auditório Complexo Multieventos da Univasf Juazeiro Bahia - Av. Antônio Carlos Magalhães, nº 510, Centro, Juazeiro – Bahia – CEP 48902-300 - Campus Juazeiro/BA
7h30 – Credenciamento e welcome coffee
8h30 – Composição da Mesa
Excelentíssimo Senhor Isaac Cavalcante Carvalho - Prefeito de Juazeiro
Excelentíssimo Senhor Júlio Lóssio – Prefeito de Petrolina
Vereador Nilson Alves Barbosa (Prof. Nilson) - Presidente da Câmara Municipal de Juazeiro
Vereadora Maria Helena – Presidente da Câmara Municipal de Petrolina
Sr. Sérgio França Coelho – Presidente do Instituto IPECS de Segurança Municipal
Dr. Alexandre Lucena - Delegado de Policia Federal
Coronel EB, Helvétius da Silva Marques Comandante do 72º BIMtz
Sr. Elias Rodrigues Oliveira – CMDT/GCM Juazeiro - BA
Sr. Nascimento – Inspetor da Guarda Municipal de Petrolina
Sr. GCM. Cícero José – Presidente da Associação dos Guardas Municipais de Juazeiro Bahia
Sr. João de Jesus Lino - Presidente da Associação dos Guardas Municipais de Petrolina
Coronel Daniel Ferreira de Lima - Secretaria de Segurança Cidadã - Petrolina
Coronel Mendes Comandante Regional PM/BA
Bel. Fábio Cândido - Delegado Regional de Policia Civil
8h45 – Abertura Oficial do Evento - Canto do Hino Nacional Brasileiro - Execução do Hino de Juazeiro e Petrolina
9h30 – Painel: Programas Federais de Apoio as Políticas Municipais de Segurança Pública
a) Marco Regulatório Proposto pelo Ministério da Justiça;
b) Portaria nº 039/2010 da Secretaria Nacional da Segurança Pública (MJ) que cria o Grupo de Trabalho de Regulamentação das GM´s
c) Projeto de Lei 1.332/2003 relatório da Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado d) Sistema de Informações das Guardas Municipais (SISGM)
COORDENADOR DA MESA:
Sr. Ubirajara Azevedo – Supervisor da Guarda Municipal do Salvador -GMS
DEBATEDORES:
Sr. Jucemir Araujo dos Santos – Gestor do Bolsa Formação da Guarda Municipal de Feira de Santana -GMFS, Planejamento Estratégico pela  - SENASP, Formação de Formadores - SENASP, Gestor de Projetos em Segurança Pública Municipal -SENASP
Sr. Nelson Quirino – Presidente FEBAGUAM/ BA e da Ass. dos Guardas Municipais de Maragogipe- Ba
Luiz Carlos Magalhães - Secretário Municipal de Segurança com Cidadania -SL-MA
12h30 – Almoço
14h00 – Lei 10.826 (Estatuto do Desarmamento) mitos e verdades sobre o porte de armas para as Guardas Municipais
a) Estatuto do desarmamento - reflexos desde a sua criação.
b) O que diz o estatuto? Diferentes interpretações da lei relativa as GM´s;
c) os impactos da nova legislação;
d) os passos ainda necessários para sua aplicação; A atualização da lei frente os desafios da regulamentação
COORDENADOR DA MESA:
Palestrante: Dr. Osmar Ventris – Advogado Criminalista e autor do livro Guarda Municipal Poder de Policia e Competência
DEBATEDORES:
Dr. Alexandre Lucena – Delegado Regional de Policia Federal
Dra. Andréa Ariadna Santos - Promotora de Justiça Juazeiro
Ana Bernardete Oliveira Costa – Insp Fem GM Coordenadora de Ensino e Capacitação da SEMUSC/GMSL
15h30 – A Regulamentação das Guardas Municipais Frente ao Atual Cenário Político Nacional
a) Marco Regulatório Proposto pelo Ministério da Justiça;
b) Portaria nº 039/2010 da Secretaria Nacional da Segurança Pública – SENAASP (MJ) que cria o Grupo de Trabalho de Regulamentação das GM´s
c) Projeto de Lei 1.332/2003 relatório da Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado d) Sistema de Informações das Guardas Municipais (SISGM)
COORDENADOR DA MESA:
Sr. Ubirajara Azevedo - Supervisor da Guarda Municipal do Salvador
PALESTRANTES:
Sr. Sérgio Ricardo de França Coelho - Presidente do Instituto IPECS de Segurança Municipal
Sr. Jaques Ferreira Aguiar – Chefe de Gabinete da Guarda Municipal de Fortaleza – GMF – CE e Membro do Grupo de Regulamentação das Guardas Municipais – GT da SENASP
Dr. Prof. João Alexandre dos Santos (Diretor do Centro de Estudos em Segurança e Dir. Humanos CESDH),
Dra. Carla Lenes (Sindicato dos Guardas Municipais do Rio Grande do Norte)
17h00 – Composição da Mesa de Encerramento / Apresentação e leitura do documento firmado durante o Fórum / Considerações Finais
17h30 – Término
*Nota da organização: No dia 16 de junho serão realizadas atividades preliminares a abertura do Fórum, tais como o Encontro de Gestores Municipais de Segurança e Cursos de Qualificação destinados aos Gestores de Formação e aos Operacionais das Guardas Municipais nas dependências da Câmara Municipal da Cidade de Petrolina – PE.

GUARDAS MUNICIPAIS DE TODO O BRASIL PARAM O CONGRESSO NACIONAL





Data: 29/05/11

GUARDAS MUNICIPAIS DE TODO O BRASIL PARAM O CONGRESSO NACIONAL NA MARCHA AZUL MARINHO EM BUSCA DE SEGURANÇA PÚBLICA PARA O POVO BRASILEIRO

CAROS GUERREIROS
PARA ÀQUELES QUE AINDA NÃO ENTENDERAM QUE NESTE PAÍS AS COISAS SÓ ACONTECEM SE DEMONSTRARMOS FORÇA E GARRA DE UMA CATEGORIA.
ÀQUELES QUE FICAM ESPERANDO TUDO CAIR DO CÉU E NÃO SE APRESENTAM PARA LUTAR...
ÀQUELES QUE FICAM SE JUSTIFICANDO PARA NÃO IR MARCHAR ONDE TUDO ACONTECE, BRASÍLIA.
ÀQUELES QUE FICAM, FICAM, FICAM E FICAM...

VEJAM OS FRUTOS DA MARCHA AZUL MARINHO
Obs: Mais de 3000 Guardas Municipais presentes, muito bom, mas eu que sei da força das Guardas Municipais e conheço o nosso poderio de fogo, nossa raça, sei que podemos ir muito mais além...Pense nisso!

Mais de 30 deputados de todos os estados solicitaram inclusão da PEC 534/02 na pauta para votação nos ulltimos dias.
Várias TVs de todo o Brasil veicularam notícias da Marcha Azul Marinho a Brasília em defesa das Guardas Muncipais e mais segurança para o povo brasileiro.
Inserção da PEC 534/02 na Comissão Especial de Segurança Pública no Congresso Nacional.
Mais de 100 videos no Youtube tratando do maior evento sobre segurança pública no país, solicitando a regulamentação das Guardas Municipais em prol da segurança pública.
Naval participa de Audiência Pública na Comissão de Segurança Pública e Crimes Organizados, onde tratou da carga horária dos Operadores de segurança pública, momento em que denunciou a FUNÇÃO DELEGADA por Políciais Militares na função de Guardas Municipais nos municípios de todo o país.
Apoio à aprovação da PEC 534/02 e a regulamentação das Guardas Municipais de mais de 8 Líderes de bancadas de Partidos no Congresso Nacional que acompanharam a Marcha Azul Marinho que por questões estratégicas não mencionaremos os nomes.
Apoio de Centrais de Trabalhadores às Guardas Municipais.
Apoio do senador da República Bispo Marcelo Crivella.
Interação da Frente parlamentar Pró Guardas Municipais.
Cobramos os nomes que faltam ser indicados pelo PT e PSDB para consolidação da Comissão Especial de Segurança Pública.
Demonstração de força de uma profissão que a cada dia cresce mais.
Obs: SÓ NÃO VENCEMOS AINDA PORQUE VOCE NÃO FOI...SE VOCE AJUDAR VENCEREMOS MAIS RÁPIDO ESTA LUTA...SE VOCE NÃO AJUDAR, VENCEREMOS MESMO ASSIM, MAS PODE DEMORAR UM POUCO MAIS...
VENHA NOS AJUDAR!!!
NAVAL





Acesse o Portal das Guardas Municipais e fique por dentro de tudo sobre o tema.

Portal das Guardas Municipais
Todos Direitos Reservados

--

30 maio 2011

MENSAGEM Nº 023/2011 - "Reestrutura a Carreira de Segurança Municipal"


Curitiba, 26 de maio de 2011.

MENSAGEM Nº 023/2011

  Excelentíssimo Senhor Presidente,
                                        Excelentíssimos Senhores Vereadores:

Segue à apreciação dessa Casa Legislativa o projeto de lei que "Reestrutura a Carreira de Segurança Municipal, de que trata a Lei nº 10.630, de 30 de dezembro de 2002, e dá outras providências".

O presente projeto visa atender a reestruturação da política de recursos humanos do Município, que propõe uma nova modelagem, onde se insere a Carreira de Segurança Municipal. Trata-se da consagração de um processo histórico sistematicamente negociado com os servidores, que a partir de 2008, por meio da Lei Municipal nº 12.669, de 4 de abril de 2008, aumentou o percentual da Gratificação de Segurança de 30% para 50% e, em 2010, pela Lei Municipal nº 13.443, de 13 de abril de 2010, concedeu aumento de 19,7% no vencimento básico dos titulares do cargo de Guarda Municipal.

A matéria apresenta como premissas a modernização e simplificação do plano de carreiras atual, permitindo maior visibilidade na trajetória de carreira do Guarda Municipal, melhoria no vencimento básico com evolução gradativa, garantia de manutenção da gratificação de segurança recebida atualmente, oportunidade de desenvolvimento profissional através de qualificação específica e ainda a possibilidade de mudança de área de atuação para este profissional.

Outrossim, encaminho em anexo impacto financeiro e dotação orçamentária referentes ao projeto.

Luciano Ducci
Prefeito de Curitiba

A Sua Excelência o Senhor

Vereador João Claudio Derosso

Presidente da Câmara Municipal de Curitiba
Curitiba - PR

Onde Encontrar os Livros? Clik no Banner

Fale Conosco

Assunto do contato
Nome
E-mail
Mensagem
Cidade
Estado



http://www.linkws.com